Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

... coisas do Sherpas!!!...

... comentários sobre tudo, sobre nada... imagens diversas, o que aprecio, críticas e aplausos, entre outras coisas mais!!!...

... coisas do Sherpas!!!...

... comentários sobre tudo, sobre nada... imagens diversas, o que aprecio, críticas e aplausos, entre outras coisas mais!!!...

26
Nov17

... meio termo!!!...

sherpas

... é usual dizer-se que, no meio,

está a virtude,

nos extremos não se encontra tal,

nos tais oito ou oitenta,

miserabilismo ou excesso,

vida real, processo...

de quem se posta,

quando se encontra

como gosta,

rico de rebentar...

 

... quando o colocam,

tapete, ao que não ascende,

pobreza, medo, receio,

incapacidade provocada,

menos que tudo,

pobre gente,

menos que nada...

 

... insensibilidade de quem usa,

abusa,

por ínvios caminhos,

regras tortuosas,

calcando os menos capazes,

sendo ferozes,

rapaces...

... mais ainda,

quando na força da idade,

na ignorância total,

dependência de “ la belle vie”

sem custo,

vómito, cuspo...

 

... sem valores, sem moral,

juventude orientada,

tenra idade, curta estória,

ideologia, quando em partido

de pobre ou de rico,

desinformação,

crispação,

tal e qual...

 

... excrescência do imprestável,

por meia dúzia de patacos,

por sonhos passageiros,

dinheiros, dinheiros...

 

... poder, poder,

desequilíbrio,

nenhum princípio...

... acredito na juventude,

mediania de idade,

desacredito, desiludo,

quando sem princípios,

mal preparada,

mesmo com UNIVERSIDADES e tudo,

calcando todos,

meio MUNDO...

 

desdigo o dito,

errado, sem justificação credível,

incrível...

 

... família verdadeira,

exemplo de pai, de mãe,

de quem tem,

desenvolvimento apropriado,

concertado,

no âmbito etário,

social harmonioso,

virtuoso...

 

... meio,

presente

que olha para o passado,

sorri,

olha para o futuro,

bendiz..

adequado...

 

... os extremos,

numa sociedade normal,

equilibrada,

devem ser acarinhados,

com mil cuidados,

tão débeis,

indefesos...

 

... necessitam ser regados,

devidamente protegidos,

filhas, filhos,

início de vida,

partida,

 

... já idosos,

armazéns de saber,

experiência de respeito,

falhos, porque gastos,

quantas atenções,

quantos tratos...

 

... ensinamentos que nos dão,

luz da nossa vida,

objectivo que se pretende,

longevidade

com dignidade...

 

... cai por terra o deslumbramento,

pobre meio sem concerto,

adágio que não entendo,

muito mais,

pleno de malfeitoria,

ganância, vaidade, inveja,

pretensão, convencimento,

umbigo imenso,

com tanto por aprender...

 

... vida nos ensina,

contacto nos enriquece,

partilha nos preenche,

respeito ao MAIOR,

dedicação ao que criamos,

profundo amor,

imensíssima entrega,

luta, refrega...

 

...humildade dum meio

impreciso,

cambaleante, sem juízo...

 

... no arrecadar é que está o ganho,

compreensão, entendimento,

aceitação, fundamento,

sociedade perfeita,

mundo melhor,

outro estilo, melhor sabor...

... grave defeito,

sociedade enferma,

país doente,

desprezo, indiferença, mau trato,

velho pobre, indigente,

criança sem lar,

duras penas,

princípio de homem convencido,

mal formado,

caricato especialista, sem especialidade,

inverdade ignominiosa,

meio absurdo, confuso,

poder descontrolado,

obtuso...

 

não,

no meio não está a virtude,

os extremos tudo nos dão,

sonho, amor, dedicação,

um sorriso, uma graça,

conhecimento vivo,

e, a vida passa...

 

... enquanto vive,

protecção que persiste,

mão amiga

enquanto existe,

equilibrada...

 

... que saudade

de quando era filho,

que saudade do meu pai,

esmorecimento,

se esvai...

... campo diferente,

bem distinto,

de acordo com o meio termo,

com a temperança,

ideologia, politica e quejandos,

PAÍSES, GOVERNOS, liderança,

respeito mútuo, irmanados,

tanto aqui, por tantos lados,

coisas sérias

que mexem com vidas alheias...

 

... idóneas,

devidamente precisas,

esclarecidas,

cordatas...

 

... tantas falhas,

serpenteias,

não acertas, incendeias,

crianças mimadas, maus começos,

irracionalidades bastas,

quando impões, trucidas... matas!!!... Sherpas!!!...

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Links

Os meus links

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D