Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

... coisas do Sherpas!!!...

... comentários sobre tudo, sobre nada... imagens diversas, o que aprecio, críticas e aplausos, entre outras coisas mais!!!...

... coisas do Sherpas!!!...

... comentários sobre tudo, sobre nada... imagens diversas, o que aprecio, críticas e aplausos, entre outras coisas mais!!!...

15
Mar07

... pequeno percalço em... Sevilha!!!...

sherpas

… era para ser uma saidinha de fim-de-semana normal, uma voltinha de carro aqui ao pé, até Sevilha, capital andaluza… recordar outras que fiz, respirar aquele ar, aquela alegria de viver, saborear as tapas, experimentar temperaturas mais elevadas, lavar os olhos nas águas do Guadalquivir, visitar templos, percorrer avenidas, ouvir uns sapateados com acordes de guitarra flamenga, bailados apropriados, passar ao lado da Maestranza, praça de toiros maior da cidade, não assistir… porque não concordo com tal actividade bárbara e sem sentido, não gosto, nunca gostei!!!... Há quem goste!!!...

... esta, a intenção primeira… alterada, pelas circunstâncias!!!...

… partimos cedo de Elvas, o tempo estava limpo e agradável, percorremos estrada conhecida de há muito, em automóvel próprio!!!... Casal que comunga de pensares idênticos quanto a passeios… sentimo-nos bem, tal como dantes!!!... A meio da manhã, num “pueblo” (aldeia)… parámos para um segundo pequeno-almoço!!!... Ia sendo tempo de aliviar incómodos estomacais... o apetite batia à porta!!!... Fizemo-lo, com satisfação!!!...

… retomámos a viagem, só parámos na cidade “más hermosa” (formosa), “la más grande” adorada por quem assim se pronuncia, quando a menciona... tal o amor intenso que os Sevilhanos têm pela sua cidade!!!... Ainda mais amada na Semana Santa que se aproxima, mistura intensa de religiosidade, de paganismo, de folclore, louvores cantados e bailados cerca da catedral, das capelas, das igrejas, adoração pela Santa Maior de todas, a Macarena!!!... Elevação da fé colectiva dum povo na sua Giralda, catedral-monumento erguida sobre mesquita antiga da qual resta ainda o minarete, de sublime beleza e postura, junto do Alcazar resíduos dos ocupantes árabes que, por lá permaneceram ao longo de oitocentos anos, por Córdova e Granada também, no reino da Al Andalus, nome que os muçulmanos davam à Ibéria de agora!!!... Ali ao pé, com ruelas encantadoras, o bairro mais castiço e puro daquela urbanidade, “la barriada (bairro) de Santa Cruz” com os seus inumeráveis restaurantes, com as suas esplanadas convidativas nas “plazas” (praças) que se vão sucedendo no final da estreiteza das suas “calles” (ruas) labirínticas!!!... Simples acesso a peões, isenção de barulhos, de poluições automobilísticas, jardins repletos de laranjeiras, sombras convidativas, agradáveis… face ao calor que já se ia sentindo!!!...

… procurámos hotel, pertinho do Parque Maria Luísa!!!… Meliá fora de época, preço razoável, boas condições!!!... Deixámos a bagagem e, utilizando a viatura… fomos percorrendo a cidade, com o intuito de chegarmos à igreja da Macarena!!!...

… andávamos nisso quando, numa avenida que ladeia o rio, a velocidade normal… entre os cinquenta e os sessenta quilómetros por hora, por inadvertência minha, por lomba bem pronunciada, ouvimos um baque surdo, queda do carro, disparado!!!… Quando nos apercebemos da referida, comentámos, seguimos, como se nada!!!... Depois de voltas e reviravoltas lá conseguimos encontrar o templo que se encontrava fechado!!!...

... horas de almoço… procurámos um restaurante repimpámo-nos com uns solomillos (… a melhor parte da carne de qualquer vítima que se imola e nos serve de… repasto!!!...) esquisitos, de cerdo (porco) e de buey, (boi) com um tinto de Rioja, reserva fina!!!... Tudo bem, sem complicações de maior!!!...

… saímos, dirigimo-nos à igreja, rica de capelas cobertas com talhas douradas, capela maior com a Santa mais adorada sevilhana… um mimo!!!... Tínhamos deixado o carro pertinho do Parlamento da região de Andaluzia, a um salto!!!... Retomámos o caminho, eis senão quando… no painel do automóvel, uma luz de aviso se acende, relacionada com a temperatura!!!... Intrigado, verifiquei a água do radiador no recipiente de expansão!!!... Completamente vazio!!!... Estacionei e, num café… comprei umas garrafas de água!!!... Atestei, respirei mais aliviado, continuei!!!... Passado algum tempo, a luzinha acesa… no meio dum trânsito de medo!!!... Por trancos e barrancos, atalhei, consegui estacionar ao lado do Hotel!!!... Entrei em contacto com a assistência em viagem e… começaram os meus penares!!!...

… não vou entrar em detalhes, não vale a pena recordar maus bocados… o carro foi rebocado, ficámos o resto de sábado e o domingo seguinte, não tão satisfeitos, depois daquele contratempo mas… coisas da vida!!!... Acontecem!!!...

... diminuem-nos mais do que somos, quando nos precatamos que, embora paguemos, não somos tratados como devíamos!!!... Enfim!!!... Reduzidos, tratados como mercadoria barata que se envia, que se traz de regangamalho (… vir de escantilhão, dá no mesmo!!!...) a bordo dum carro alugado ao quilómetro, duns táxis, misturados com umas telefonadelas, ainda assim!!!...

… no domingo, depois de bem comidos… entrámos num barco de excursões fluviais, admirámos novamente o bairro de Triana, dos pescadores e dos cantadores, passámos por baixo das várias pontes do Bétis, agora conhecido como Guadalquivir, o rio maior… embevecemos com os milhares de sevilhanos que se deliciavam com os raios solares em verdes margens deitados, passeando, fazendo exercícios vários, correndo ou pedalando em bicicletas, exercitando braços e pernas em barcos movidos a remos, nas pirogas ou canoas que vogavam nas mansas águas do rio!!!... Olhámos e recordámos os edifícios da Expo de 1992, na ilha da Cartuxa!!!... Como o tempo passa!!!...

… já de regresso ao hotel, ainda nos deliciámos com a doce visão da torre do ouro, agora museu, percorremos a praça de Espanha, ampla e imponente, remanescente doutra era que se conserva bela, com os seus coches e cavalos, com um turismo de meter medo, com os seus escritórios estatais, com os seus emigrantes à volta dos papéis, antigos donos que regressam em busca de vida, de trabalho!!!...

… terra de cristãos, de mouros e judeus, de paios e de ciganos, de bailadores, cantadores, toureiros e… visitantes, na sua diversidade, realidade que me assombra mais e mais, recanto de encanto!!!... Que viva, Sevilha e… la Macarena, tambien!!!... Sherpas!!!...

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Links

Os meus links

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D