Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

... coisas do Sherpas!!!...

... comentários sobre tudo, sobre nada... imagens diversas, o que aprecio, críticas e aplausos, entre outras coisas mais!!!...

... coisas do Sherpas!!!...

... comentários sobre tudo, sobre nada... imagens diversas, o que aprecio, críticas e aplausos, entre outras coisas mais!!!...

30
Set10

... gosto da vida que tenho... LOL ... tanto AGORA... como antes, né???...

sherpas

 

… gosto da vida que tenho, entre litoral e interior… viagem contínua, apreciação crítica construtiva, não depreciando, chamando a atenção para as políticas que se vão fazendo, erradas porque desadequadas, escondendo defeitos, remediando, alindando, dando o jeito, mantendo males do passado, encostados aos “nuestros hermanos”, quando não temos ou desfazemos, pensando na célebre união, a tal Ibéria dos grandes pensantes, dos que aplicam capitais e outras COISAS que tais, apátridas sentimentais, mais virados para o prático, reduzidos a cifrões, misturando tudo e todos nas ganâncias que os pervertem, quando invertem valores, esquecem ou fazem por esquecer o que fomos… que já não somos, cada vez menos!!!... Quando comparo assimetrias entre regiões do mesmo País, o nosso, escandalizo-me, não me contenho e… escrevo sobre o que vejo, o que sinto, enquanto vou vendo e ouvindo!!!...

 

… tratar os nossos males, suprir as nossas carências… com as ferramentas e habilidades dos outros, mendicantes assumidos, compungidos e modestos, POVO que foi tão grande, quase choro de revolta, sem ser nacionalista bacoco, estando dentro do espírito europeu, mais um… entre tantos e tantos milhões, sem ilusões, não concordando com o que nos vão impingindo… Espanha, Espanha sempre!!!...

 

… por viver junto deles, por conhecê-los bem, respeitando… quando me apercebo que nos cobiçam valores, terras e posições, dinheiros aos milhões, nas suas aplicações, empreendedores, dizem, sorrio e penso baixinho que nos vão comendo o coco, mais uma vez!!!... A história repete-se, mansamente… sem conflitos declarados, numa paranóia economicista, deslumbrados que estamos pelos êxitos espanhóis, pensando que por tabela, bem encostados, à sombra… talvez nos toque, também!!!... É vê-los e ouvi-los quando prestam vassalagem ao Rei, subservientes… coniventes, apagados de repente!!!...

 

… por aqui, a níveis mais baixos, dentro da camada que gosto, população que trabalha… quando pode, recebendo pouco, quase nada, desenrascada como sabe vou distinguindo esquemas diversos, dum e doutro lado, nesta Ibéria que continua, quanto a negócios, de boa saúde… bem no fundo, quase de costas voltadas, embora digam o contrário, os mais elevados, excelsos incluídos!!!...

 

… que dizer do peixe espanhol, pescado em águas nossas, nacionais… que consomem e escoam, algumas sobras, nos nossos mercados, nos produtos que por aí vendem, os mais diversos, nas terras de que se apropriam, onde criam olivais, azeitonas que esmagam em lagares do lado de lá da fronteira, azeite da nossa origem, marca espanhola, claro… das instituições que perdemos, dos serviços que lá prestavam e obtemos agora no País do lado, pagando-lhes bem, toda uma série de empresas comerciais, banca e seguros… empresas de vulto, da comunicação, inclusive, energéticas com resultados positivos para lá, terras que são nossas e não no-las devolvem, continuando sendo… entre outras coisas mais!!!...

 

… e vamos assistindo a pequenas evasões, buscas incessantes, continuadas de compras com IVA,s mais curtos, trabalhos mais bem remunerados… desempregados que recebem subsídio que vão fazer umas horinhas, todos os dias, nas terras espanholas, vizinhas, a fim de evitar a hecatombe, de fazer face a despesas que se agudizam, terras desérticas, de velhos e crianças, de alguns serviços, ao longo do dia… sem progresso, por cá, mais dinâmicas e viçosas… a um passinho, ao longo de toda a nossa geografia raiana!!!... Votados ao abandono, quase, quase… sem dono, ao sabor da corrente que se sente, segundo o que os mais elevados preconizam, incentivam, dependentes… sob o jugo do “castelhano”!!!... A história, vai-se repetindo… com a bênção dos mais avisados, penso!!!...

... não apoio políticas destas, não sendo nacionalista bacoco… sinto-me vendido, aos poucos!!!... Ibéria ou Badelvas… dá no mesmo, desistimos, ainda por cima com entrega consumada da região que muito nos diz, quase nada a alguns, a Olivença da saudade, quanta inverdade e incúria na boca de certos trastes!!!... COISAS!!!... Sherpas!!!...

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Links

Os meus links

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D