Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

... coisas do Sherpas!!!...

... comentários sobre tudo, sobre nada... imagens diversas, o que aprecio, críticas e aplausos, entre outras coisas mais!!!...

... coisas do Sherpas!!!...

... comentários sobre tudo, sobre nada... imagens diversas, o que aprecio, críticas e aplausos, entre outras coisas mais!!!...

23
Ago21

... folha vazia!!!...

sherpas

mais uma vez... deparo com folha branca,

vazia,

desafio que me incita,

tanto que contar, escrevendo, dia a dia,

começo, partida,

encontro casual, notícia,

grafi 030.jpg

ideias que s´atropelam,

necessidade premente,

ir ao fundo, recordar estórias que não partilho,

pessoas que m´interpelam,

acontecimento que m´entristece,

quando acontece...

 

falar de coisas, de gentes,

sentimentos,

paixões...

doutras emoções, mais vis, indignas,

valores gastos, poltrões,

 

vaidades ou vacuidades,

muitas mentiras... poucas verdades,

palermices, tarouquices,

 

sonho que se não concretiza,

não cria...

amplo anfiteatro com todos os adereços,

todos os instrumentos,

 

sem músicos, sem maestro,

espectro, momentos...

pasmo e frustração,

desilusão,

 

espécie de doença, quando acontece,

mói, remói, persegue...

fantasma dos meus anseios,

coloridos, enleios,

 

celestial sinfonia, quando a preencho...

à folha vazia com que deparo,

arabescos vários, grafia,

incita... desafia!!!... Sherpas!!!...

16
Ago21

Arca de Noé

sherpas

muitas vezes comparo...

quando penso, quando paro,

a estória da Arca de Noé com a presente situação,

no MUNDO, no nosso País,

em pormenor, como opção,

28062008(019).jpg

livro velho, entre os velhos, primeiro a ser impresso

na geringonça de Gutenberg,

em LATIM... ainda assim,

mui sagrado para muitos, não tanto para outros,

adversários ou contestatários,

 

pois é... a “ SAGRADA ESCRITURA “ da religião que me foi imposta, recém nascido,

pingente que não deu resposta,

não tugiu nem mugiu,

 

soluçou baixinho, esperneou

e... ficou,

como sou, membro assumido do clube,

dissidente, tresmalhado do rebanho,

não, como antanho,

 

com a destruição total, se fez

castigo divino,

quando aconteceu, diz o livro que... conheço,

 

se bem me lembro, desde pequeno,

meia dúzia d´escolhidos,

tempos idos, tempos idos...

 

 

sempre me confundiu,

me faz impressão, tal sanha,

escolhendo o bem comportado, destruindo e

recompensando... o mais dilecto,

com amor e muito afecto,

 

TODOS filhos de DEUS, criação,

ou NÃO???...

 

assim apareceu o Noé q´escolheu para campanha,

proteger, de todos os viventes, um casal apenas,

como prolongamento, quando penso,

quedo estarrecido,

que DEUS, que horror... logo no começo,

 

DESTRUIR – MATAR – ROUBAR

entorno, sem retorno...

PONTO FINAL???...

 

buscador de respostas,

com muito respeito por ti, como bem GOSTAS...

de mãos abertas, não postas,

sem estar prostrado, genuflexão,

sou como sou, são como são,

 

eram feras, eram escolhas,

eram horrores,

desbragamentos, prepotência incalculável,

bem descritos... no livro, mui amado,

era a LEI, era o DEUS,

era o SENHOR,

que terror, que terror!!!... Sherpas!!!...

 

 

10
Ago21

... evolução!!!...

sherpas

máquina portentosa,

complexo artefacto,

separando tudo e todos com que se cruza,

não rejeitando,

aceitando, aceitando...

um facto,

06072008(054).jpg

faço por guardar, cofre cerrado,

escura, cavernosa repartição,

sentida,

quarto sombrio, inacessível,

o que me pode machucar...

parte negativa da vida,

 

recordo cada momento, fazendo por esquecer,

façanha incrível,

porque se sente, se sente, se sente...

na minha mente,

 

sempre presente, distante,

noutro lado...

o que me forma a cada instante,

 

mais gritante,

maravilhoso, o que me faz sorrir,

na minha ascensão, partição diminuta dum TODO,

pó d´estrela que sou,

evolução, para quando partir...

reunir,

 

capacidade,

duas partes que se confrontam,

pura verdade,

mar tenebroso ou acalmia que... me faz sonhar,

 

bando de andorinhas na sua caçada matinal,

quantas voltas, reviravoltas...

 

com que precisão, certeza, captação d´alimento para crias,

natureza que ensina, deslumbra,

encanta,

 

tufo de flores brancas, silvestres,

arrumadinhas umas às outras, pedacinho que ri,

que canta...

 

hoje,

o dia está deslumbrante, a baía faísca...

de bela q´está,

encontro, curta conversa, sorriso, tarefa que se cumpre,

caminhando, vendo, apreciando,

manutenção,

 

ai coração, coração,

 

mais um dia em PAZ,

contente comigo próprio, bondiando,

como gosto, sendo como sou... uma peça

insignificante,

 

máquina portentosa, complexo artefacto

que m´aguarda, entretanto!!!... Sherpas!!!...

 

03
Ago21

... as árvores... também falam!!!...

sherpas

Estive para o cortar, quando o vi,

ramito de oliveira tão bonito...

com flores, desponte de azeitona verde,

formosa, prometedora,

reconsiderei, sorri,

fiz-lhe uma carícia, apenas, apreciei...

badelvas 044.jpg

não sei, não sei... não sei,

ligeira brisa que se levanta,

marulhar de tantas folhas, tantos ramos,

estranhei,

parei, incrédulo, pensei...

 

agradecimento dum corpo inerte,

embora vivo...

 

não sou para fantasias, mui real, tão concreto,

sonho momentâneo, calmaria de Verão,

consequência de calor que sentia,

as coisas... são como são,

 

mente que brota, que verte...

palavreado que me caracteriza,

por vezes, inferniza,

 

de supetão, revoada de pintassilgos,

chilreantes coloridos,

quatro, dos muitos, enamorados certamente,

pousaram numa encruzilhada da oliveira, espécie de forquilha,

entrecruzamento de ramos,

voaram em direcção ao solo, apanharam ramos secos,

voando rente,

 

assentaram naquele sítio,

alicerces de futuro lar... aninharam,

 

sonho, estória d´encantar,

rendido perante tantas demonstrações,

nem conversa, nem um pio,

melodia celestial...

 

constatei o que... já pensava,

quando m´introvertia, refugiava na teia dos meus pensamentos,

imaginação fértil, disparatada, coisitas minhas,

somenos,

 

quanta quentura, dia bravo, inusitada para a época,

 

“eureka “como dizia o outro,

sombra ofertada pela minha amiga,

grato, compreendi,

reciprocidade... pura verdade,

 

tal como o canto dos pintassilgos,

saltitantes, bem vivos...

 

então pensei... TAMBÉM, naquele líquido verde amarelado,

doirado e saboroso que

uso,

no tempero dos meus alimentos,

porque GOSTO, até ABUSO!!!... Sherpas!!!...

 

 

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Links

Os meus links

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub