Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

... coisas do Sherpas!!!...

... comentários sobre tudo, sobre nada... imagens diversas, o que aprecio, críticas e aplausos, entre outras coisas mais!!!...

... coisas do Sherpas!!!...

... comentários sobre tudo, sobre nada... imagens diversas, o que aprecio, críticas e aplausos, entre outras coisas mais!!!...

24
Dez18

... a roda da... vida!!!...

sherpas

... a vida

é feita de encruzilhadas,

fases várias, complicadas,

espaçamentos,

avanços, recuos,

pausas prolongadas,

cruzamentos,

viragens bruscas

para um e... outro lado,

ridentes ou... azaradas...

 

outras,

tão sedutoras,

quase sonhos, não duradouras,

bocados que nos sabem bem,

afagos paradisíacos,

belezas extremas... visões,

DSC02434.JPG

quantas...

curtas frases,

num longo discurso

de cada um... seu percurso...

 

doces ilusões,

sentimentos que nos enaltecem,

gravados na mente,

não esquecem,

 

humano normal,

corrente,

que bem...

a gente se sente,

DSC01914

janelas abertas para ela,

pr´à vida,

como  a entendo,

chorando,

gemendo,

 

censor que tudo avalia,

complexo esquema que temos,

carregamos,

consciência,

enquanto vivemos,

avaliamos,

 

gargalhares,

pura alegria,

satisfação que nos inebria,

corpo tratado,

com jeito,

tudo certinho, a preceito,

GENEVE 227

lá vamos...

ultrapassando barreiras,

socalcos,

pequeníssimas fronteiras,

desaires próprios,

pequenos saltos...

 

mas,

continua sendo uma encruzilhada,

muitos caminhos,

cruzamento

várias opções,

tão diversas,

reversões,

 

enormidade a que pertencemos,

uma gotícula d´orvalho,

num ramito...

esquecido,

em campo extenso,

infértil,

chusma d´areia, cascalho,

assim me penso...

tão diminuto,

quase inútil...

impoluto,

DSC02249

não santo,

nem muito,

nem tanto,

normal e corrente

entre

tanta e tanta gente,

 

pode ser mui complicada,

intenções,

diversões,

idade própria,

na altura,

infância descuidada,

crente,

ingenuidade que m´ultrapassa,

bem no centro,

vida parada,

 

 

nem para diante,

nem para trás,

sem me importar

com qualquer dos lados,

olhos abertos ao MUNDO,

maravilhas da maravilha

sendo como uma ilha,

num oceano descomunal,

DSC06571

tudo ligado,

horizonte mais perto,

fenomenal,

desperto,

 

comungando

com o que se me oferecia,

total empatia,

compreensão,

que bem me sentia,

aceitação,

 

não crente,

nas religiões,

indiferente,

mas,

com respeito,

este o meu jeito

na vida que s´encurta,

simples criatura,

 

saí do ponto de partida,

bem no centro da encruzilhada,

indo em frente,

derivando para ambos os lados,

sem definições apropriadas,

sendo eu,

com altos e baixos,

munique 204

retrocessos,

paragens forçadas,

por circunstâncias adversas,

acidentes pontuais,

ultrapassados,

 

pensando SEMPRE nos que,

logo à partida,

são atalhados por forças negras,

assombrações sem regras,

doenças congénitas,

adversidades perversas,

 

catástrofes tremendas,

guerras orquestradas,

conflito premeditado,

filhos de DEUS ou do DIABO,

genocidas, tarados,

mal formados...

 

quantas vítimas

não saem do ponto de partida,

tão curta vida,

gemendo, chorando,

sofrendo, penando,

trucidados,

mortos, esquecidos???...

 

tenho pena de não ter fé,

acreditar nas muitas promessas que fazem

os pregadores,

falsos apóstolos das deidades,

mentiras, verdades,

DSCF0137.JPG

refazer o mal feito,

rejeitar o que m´incomoda,

prejuízo, embora moda,

noutra encruzilhada da vida,

fase mais adiantada,

indo em frente, ser diferente,

alimento dum corpo que sente,

alma quase perdida,

ultrapassá-la, como sempre,

levá-la... de vencida

 

mas... creio

num julgamento GLOBAL,

junção de todas as vítimas,

de todos os algozes,

cruéis, ferozes,

 

separação da erva ruim,

elevação dos que foram mortos,

sem corpos,

apagados, cruel fim,

DSC04274

ténue chama qua clama,

aperfeiçoa,

recupera

quem, por ora,

desespera

 

neste pedacito do UNIVERSO,

minha esperança...

confesso!!!... Sherpas!!!...

11
Dez18

... diáspora!!!...

sherpas

... dia ensolarado,

num azul carregado,

astro-rei em todo o seu esplendor,

perspectivas boas,

prometedor,

convidativo,

actividades lúdicas,

movimento no bairro,

muita vida,

caminhada, passeio,

corrida,

DSC04571.JPG

esplanada,

bem acompanhado,

mais recatado, pela idade,

afazeres de toda uma semana,

muitos optam pelo descanso,

arrumo, limpeza,

remanso,

 

agita-se o aglomerado

de gente,

camisolas berrantes,

nem um sopro de vento,

calções,

fatinho de treino,

temperatura adequada,

partida que se aguarda,

 

ajuntamento,

saltos, corridinhas,

voltitas curtas,

conversa sobre o evento,

tradição,

manutenção do físico,

preparação,

gosto que se tem,

fica bem...

 

olho,

aprecio,

não participo,

penso noutras actividades,

loucuras do mundo,

diáspora de alguns,

destino,

mentiras,

verdades,

promessas, recados do DIVINO,

prometimento,

grande livro do ensinamento,

 

sagrado,

intocável,

dado momento,

fuga,

perseguições,

desculpa de barbaridades,

justificações,

assentamento,

terras d´outros,

colonatos,

indiferença das instituições,

recatos...

 

vai-se compondo a praceta,

mais garrida,

festiva,

aquecimento

antes do começo,

partida,

últimos pormenores,

alguns pontos

para quedar o texto

devidamente arranjado,

voz sonante,

aparato...

 

recordo

terra de tapetes,

tecedeiras,

fios grossos de lã,

alongados,

desenhos geométricos,

coloridos,

simétricos, nomeada,

Alentejo das boas ideias,

marca conceituada,

 

bonita vila,

pretexto,

quando no posto mais elevado

das forças dominantes,

democracia nossa,

república... como antes,

com fama,

quando recebe,

nos chama...

 

 

pouca gente,

na pessoa dum Presidente,

regalias e benesses,

idênticos,

países diferentes,

fundo de maneio avultado,

recreio,

voltitas pelo GLOBO,

passeios...

trazidos ao colo,

eleitos,

 

uma que outra almoçarada,

grupito que se julga,

porque não,

ARRAIOLOS,

perante

vulgares, inocentes,

parolos,

 

como tudo,

aceitámos esta extravagância,

pontitos do mundo,

mesmos apetites,

com eles... não me confundo,

 

fez escol,

tornou-se prática,

sumo indivíduo da nossa elite,

reunião periódica,

nada módica,

assim o penso,

assim o digo,

 

petisqueira que se renova,

saltito,

gozo, satisfação,

 

aceito

mas... rejeito,

contradição,

maneira de ser,

sou imperfeito...

 

mais débeis,

os sons,

vou ouvindo

desenvolvimento da corrida,

tecnologia que permite,

ligação permanente,

avanços de uns

sobre outros,

primeiros e segundos,

pelotão mais recuado,

tempo,

cronómetro em acção,

comparação,

 

melhoramento,

quebra dum título,

ganho que propicia,

alegria...

para quem pratica,

para quem aprecia...

 

porque

desgovernados

desde séculos passados,

pobres,

sem cheta,

país de muita treta,

desenrascados,

triste eufemismo,

desinteresse,

laxismo...

 

melhorámos

um pouco,

continuamos povo dócil,

manso,

pouco avançámos,

 

maltratado,

obrigado a “espirrar “

por esse mundo fora,

emigrante forçado,

vidas compostas,

saudade que avulta,

minha... tua,

nossa culpa...

 

nomeada dos “ caciques “

actuais,

dinheirama fácil,

kapitais,

copiando nomeada dos que fogem,

s´instalam

em terras estranhas,

livro sagrado,

religião,

promessa do DIVINO,

 

diáspora também,

do luso que foge,

emigra,

enraíza em geometria diversa,

chora, pensa,

sente,

no meio d´outra gente,

 

d´elites,

pobre conversa,

destino,

homessa,

 

vão chegando,

ouço palmas,

corrida que acaba,

divagação minha

que s´acalma,

fim da corrida,

manhã ensolarada!!!... Sherpas!!!...

04
Dez18

... em busca da... minha infância!!!...

sherpas

... nem sei como começar,

por vezes, dá-me para isto,

recordar, recordar,

armário bem cerrado,

tudo bem guardado,

 

coisas, loisas,

pessoas,

amigas ou não,

simples conhecidas também,

falar de mim, com emoção,

meu prato favorito,

não sendo esquisito,

tão pouco, NARCISO,

DSC05100.JPG

não me elevo,

aceito-me como

sou, como sempre fui,

de mim, disponho

como me apraz,

criança imberbe, adolescente,

um rapaz,

adulto responsável,

creio,

um pontinho de gente

que, segue em frente,

meu receio...

 

futuro incerto,

velhice que se aproxima

a passos largos,

mente lúcida, com poucos anitos,

corpo, com algumas mazelas,

estamos nelas,

DSC04079.JPG

campo vasto que afasto,

com medicação,

médico parceiro,

de família, entre outros,

vontade e dinheiro,

vou sorrindo, minha ilusão,

sentir, recordar, viver,

antes de... morrer...

 

fim do trajecto,

caminhada

que faço com companheira,

uma vida inteira,

mais ainda,

vivendo de novo,

com muito afecto,

 

ultrapassando barreira,

continuando,

recordando,

vivendo duas ou três vezes,

privilégio de quem escreve,

aplausos, revezes,

um pouco de verve...

DSC04056.JPG

quando pequeno,

grande guedelha,

iniciação

do que, mais tarde,

seria tão natural,

 

ida ao barbeiro,

desperfeito,

recusa,

muito custo,

cabelo e tesoura,

banqueta na cadeira,

conversada de adultos,

olhar aberto,

diminuto,

para os que estavam mais perto,

DSC02349.JPG

quase clube,

guitarras, fado, caça,

tordos, coelhos,

aficionados, os dois,

pai e filho,

uma que outra chalaça

perante fedelho encolhido,

sacrifício,

risada,

 

mestres da minha lembrança,

doce infância,

obrigação,

encontro,

animação,

 

gostava mais da ribeira,

ida pelos campos,

brincadeira,

 

natação à cão,

em terra pequena,

liberdade,

sinto saudade,

DSC00344.JPG

tudo se afasta com rapidez,

olhamos para trás,

era uma vez,

cabeleira farta,

ídolos da altura, cantores,

artistas, vanguardistas no vestir,

no pentear, cabelos ao vento,

um momento,

 

grandes patarras,

popa no alto,

creme que me ajudava a domar,

dando o jeito, penteando,

gostava do que via

quando me mirava ao espelho,

agora, careca,

 

assumo e gosto,

entram ideias,

sinto frio, saboreio a chuva,

tapo com bonés, resguardo,

quando intenso,

não penso, sequer na moldura,

minha postura,

 

quiçá,

com cabelos bastos,

apesar da idade,

ainda alinhasse nos arabescos que fazem,

no cocuruto,

como se fosse um puto...

DSC09864.JPG

reservado,

pouco dado a inovações,

conservador, até certo ponto,

coloco de lado

pretensões,

 

sendo digno representante do clã,

avôs sem pelo,

bolas de bilhar,

minha sina, meu desvelo,

pouco cabelo,

careca convicto,

recordo... repito...

 

era clube de caça,

era salão de fado,

pai e filho, mesma afeição,

meu mestre primeiro,

ajuntamento no barbeiro,

589.JPG

profunda rejeição,

barulho contínuo,

pausa na brincadeira,

tortura, aflição,

banqueta na cadeira,

tesoura afinada,

tolha que me cobria...

 

quando acabava... fugia!!!... Sherpas!!!...

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Links

Os meus links

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D