Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

... coisas do Sherpas!!!...

... comentários sobre tudo, sobre nada... imagens diversas, o que aprecio, críticas e aplausos, entre outras coisas mais!!!...

... coisas do Sherpas!!!...

... comentários sobre tudo, sobre nada... imagens diversas, o que aprecio, críticas e aplausos, entre outras coisas mais!!!...

13
Ago13

... somos... BETESGA!!!...

sherpas

... incomodidade que reduz,

representação infeliz,

como quem diz,

não avança, não produz,

 

bom sentido que aguardo, junção,

espécie de bardo,

ovelhas negras, mui raras,

tanta casa sem pão,

 

outras dispendiosas, tão caras,

bocas que nos vão chegando,

sorrisos escassos, grandes “tiradas”,

vamos andando,

colinas tão lindas, formosas,

 

vazios, sorrisos forçados,

quando vedetas na tela,

palco do fingimento,

é vê-la,

como se fora parlamento, decisão no parlatório,

tribunal que julga País,

confronto,

triste momento, aponto,

porque me diz,

 

velhos perseguidos, sem cheta,

energia que s´espanta,

viaja, busca,

não encanta, rebusca,

 

satisfeito, quando acha,

conformado, quando se encaixa

neste MUNDO revirado,

 

ofício, como objectivo,

grossa maquia na banca,

rectângulo que descamba,

situação camuflada, quase sempre,

sente-se mais morto que vivo,

gente

que, de seu, tem pouco ou nada,

figurita que morreu,

 

LISBOA, sempre na mesma,

com ROSSIO

e com BETESGA,

 

relatório, parco repente,

produzindo riqueza a rodos,

tornando tonto o inocente,

mais um,

entre convencidos e tolos,

na gíria, lugar comum,

 

satisfeito com conversada

retraindo muito lamento,

alimentando convencimento,

posição determinada, esse o feitio,

seu jeito,

tanta Betesga no Rossio,

 

coisa pequena, como tantas,

casa arruinada no bairro,

travessa esconsa com que enganas,

pão que vai faltando,

escadinhas velhas, poesias,

subindo com poucas valias,

 

velhos arrumados a um canto,

passos curtos, arrastamentos,

vão vivendo, vão andando,

sem queixumes vão morrendo,

hábitos, quase costumes,

ávidos,

quantos deslumbres,

dizeres escritos na cal,

tudo se diz, pouco vale,

na esquina, fuma-se um charro,

quando passo,

quando encaro, esfuma-se o sonho,

realidade,

quanta falta de verdade,

 

pão e vinho sobre a mesa, mui reduzidos,

escassos,

é uma casa portuguesa, pobres

tão compungidos,

 

palácios, coisas bonitas,

instalação,

desafios, tamanho desperdício,

pondo parche, panarício,

remendando vontade imensa,

usufruindo, quem não pensa,

 

inflamação que s´avoluma,

diversão para quem visita,

contraste que me diminui,

sendo como sou, como fui,

 

turista que por cá chegou,

ruelas tristes, velhinhas, casas gastas,

sofrimento,

recuperação, aluimento,

tendo gosto, quase vício,

palerma d´antigamente,

espaço, como um ROSSIO,

cidade de tanta BETESGA,

 

LISBOA, sempre na mesma,

ruim figura que faço, quando penso,

quando passo,

quando encaro, quando comparo,

beleza que resplandece,

abatendo, não s´engrandece,

até o POVO s´esquece!!!...  Sherpas!!!...


{#emotions_dlg.confused}{#emotions_dlg.smile}{#emotions_dlg.mad}

 

05
Ago13

... mau pastor!!!...

sherpas

... indo eu,

serrania agreste tão densa,

muitos obstáculos,

pouco céu,

vales profundos,

alguns riachos,

socalcos,

mau pastor, ovelhas sem bardo,

escanzeladas,

mal tratadas,

tanta

que já morreu,

 

encaminhamento,

pedras,

pouco pasto,

pedaço d´outro mundo,

quanta falta de alimento,

 

matilha,

como portento,

caminho difícil,

vereda impossível,

indo eu,

negativo,

imprevisível,

pequeno grupo,

atento,

 

observando incrível,

como  fez,

o que se deu,

 

companhia,

imenso cajado,

sujo cão,

quão sarnento,

má cabeça, aluimento,

desfazendo harmonia,

grande segredo,

razia,

 

redobramento d´iglésia,

fé,

prometimento,

almas, com paraísos

prometidos,

 

tanta urze,

tanto mato,

pastoreio que mete medo,

serrania agreste,

quase peste,

 

esteva que fixa,

rosmaninho cheiroso,

poejo da ribeira,

ladeira,

charco,

já morto, putrefacto,

 

pedregulho que dificulta,

quanta face oculta,

alecrim

condimento,

funcho no alimento,

rota manta

que não abriga,

 

beldroega saborosa,

flor silvestre,

formosa,

árvore intrincada,

um ninho,

na rocha, arte rupestre,

ave que esvoaça,

passa,

 

farrapo quase desfeito,

sem norma,

grande defeito,

 

cajado retorcido,

enorme,

quanta penúria,

quanta fome,

mau pastor,

rebanho imenso,

colorida giesta,

festa do papel,

sem “grana”

com muita chama,

 

romaria na capela,

festa

do melhor povo do MUNDO,

maltratado,

mal guardado

algum “gentio” acaudalado,

de que me não fio,

garoto que provoca

tanta dor,

desvario,

espaço perdido,

no fio,

 

alcateia,

pelas serras,

matilha junta,

servil,

Fausto que se contenta,

Midas que tira proveito,

fugas, com pânico,

do redil,

falcoaria na estepe,

nunca, tal coisa, se viu,

 

o que se apanha,

serve,

toiro na praça,

no lombo, uma farpa,

pega rija

de forcado,

diversão ensanguentada,

última estocada,

 

queda,

serra agreste,

vereda,

toque final,

terraço que s´encurta,

pantanal,

rebanho que se não junta,

enfrentamento,

dura justa,

 

pastoreio,

temeroso,

quase no osso,

um rebanho,

DEUS que não vislumbra,

como CRISTO que morreu,

um engano

que se deu,

quando se deu,

 

indo eu,

por acaso,

indo eu,

quanta penumbra,

ocaso,

 

BARRABÁS,

escolha acertada (?)

mão que lava,

indiferente,

num tanto faz,

 

figurão

que se vangloria,

desvirtua,

assassino de profissão,

ascensão,

tendo CÉU, como limite,

para onde vais

vítima de rua,

 

sempre triste,

entre ladrões,

crucificado,

eterno fado,

encomendado,

 

outra versão,

um retoque,

sem remoque,

baixando orelha,

desilusão,

Fausto, Midas ou Kapo,

dinheiro em profusão,

servilismo,

mau pastor,

serrania agreste,

experiência atroz,

como quem morreu,

quando se deu,

 

imobilismo,

como se deu

sem voz,

 

escanzeladas,

lá vão,

nova,

velha versão

veredas, caminhos, estradas,

ocultação,

tão pertinaz,

o mau pastor, AINDA rapaz!!!...  Sherpas!!!...

 

{#emotions_dlg.confused}{#emotions_dlg.mad}{#emotions_dlg.sad}

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Links

Os meus links

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D