Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

... coisas do Sherpas!!!...

... comentários sobre tudo, sobre nada... imagens diversas, o que aprecio, críticas e aplausos, entre outras coisas mais!!!...

... coisas do Sherpas!!!...

... comentários sobre tudo, sobre nada... imagens diversas, o que aprecio, críticas e aplausos, entre outras coisas mais!!!...

16
Fev08

... a independência do... Kosovo!!!...

sherpas
Kosovo: «Parabéns independência», a festa já começou
Numa das principais artérias da cidade de Pristina, a Rua Madre Teresa, já circulam milhares de pessoas de sorriso estampado no rosto. Muitas chegaram este fim-de-semana à capital do Kosovo para celebrar a tão aguardada independência.

Os estabelecimentos comerciais associam-se às festividades. Um café junto ao edifício das Nações Unidas exibe uma tarja com a inscrição: «Congratulations independence» («Parabéns independência»).

A ideia mais original, a que pelo menos motiva maior atenção de quem passa, pertence, no entanto, a uma loja de fotografia. Num expositor colocado quase no centro da rua é possível ler a seguinte frase em albanês: «Gezuar pavaresine» (Feliz independência).

A originalidade reside no facto dos caracteres serem constituídos com as fotografias daqueles que ajudaram, segundo este proprietário, a tornar a independência possível.

Entre eles, estão os retratos de Hashim Tachi, o guerrilheiro do UÇK (Exército de Libertação do Kosovo), hoje primeiro-ministro do governo provisório, de Bill Clinton, de Madeleine Albright, ex-secretária de Estado norte-americana, e de Ibrahim Rugova, ex-presidente da província e líder histórico da causa independentista albanesa no Kosovo.

São as excepções. A maioria das lojas opta por exibir nas vitrinas bandeiras de diferentes dimensões à medida do entusiasmo. Não a bandeira do Kosovo, que aguarda ainda aprovação no parlamento, mas a bandeira albanesa.

Em muitos casos, lado a lado com a bandeira dos EUA e, em menor número, a bandeira da União Europeia.

Esta é também uma oportunidade de negócio. Às pequenas bancas em madeira espalhadas por toda a cidade, onde é possível comprar tabaco, guloseimas, telemóveis de marcas e feitios variados, juntam-se agora, os mesmos estabelecimentos improvisados, com a oferta de cachecóis, bandeiras e bonés.

A cidade está toda enfeitada, em especial, com símbolos nacionais albaneses. Também algumas lojas de roupa aproveitam para tentar vender um pouco mais ainda que a preços reduzidos. Num destes estabelecimentos anunciam-se reduções até noventa por cento. Explica a gerente que quer ver toda a gente bem vestida no dia da independência.

Para os que dominam o inglês, estes dias são de potencial trabalho num país marcado por uma alta taxa de desemprego (entre 40 e 45%, segundo as estimativas).

À porta do Grande Hotel de Pristina, repleto à semelhança da maioria das unidades hoteleiras da cidade, muitos jovens repetem a pergunta: precisa de intérprete? Estão na cidade centenas de jornalistas de todo mundo. Até ao final do dia de ontem, o número de acreditações já ultrapassava as 600.

Problema maior, o trânsito. Por estes dias, caótico. Há automobilistas que percorrem vezes sem conta o mesmo percurso. Exibem pequenas bandeiras a fazer lembrar as viaturas dos chefes de estado. Buzinam insistentemente ao mesmo tempo que, através das janelas, dão sonoros gritos de júbilo. A tal ponto que deixam intrigado quem passa.

Um jornalista pede a um destes condutores para parar o carro. Pergunta-lhe, assustado, com receio de ter perdido a notícia, se a independência já foi declarada. O condutor responde: - Não. Mas é já no Domingo!

Diário Digital / Lusa

 

... espero que continuem os... festejos, para bem das populações!!!... Que se não repita, por interposição dos States, da UE e da Rússia, também!!!... A PAZ é um BEM precioso!!!... Consequências imprevisíveis, precedentes que se abrem... contágio que alastra!!!... Sherpas!!!... 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Links

Os meus links

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D